10 Dicas para montar um bom currículo

como montar um bom currículo

O currículo é o primeiro contato do candidato à vaga de emprego com o recrutador, por isso, a preocupação de montar um bom currículo que pode ser a porta de entrada da empresa para o mercado de trabalho, sendo que, muito se fala do currículo ideal, mas é importante seguir as dicas dos especialistas sobre o assunto.

Saber como montar um bom currículo é fundamental para os profissionais que querem se destacar entre os milhares de candidatos que concorrem à mesma vaga, sendo que, primeiramente é preciso ser sincero e objetivo.

10 Dicas para montar um bom currículo

1. Erros de português – É importante revisar o currículo várias vezes antes de entregar ou enviar porque erro de português é critério eliminatório.

2. Mais é menos – Nada de fazer um currículo com muitas páginas. A capacidade de comunicação e síntese também são analisadas. O recrutador muitas vezes avalia de maneira ágil as experiências e os conhecimentos do candidato, sendo assim, foque naquilo que mais vai contribuir para sua conquista profissional.

3. Siga uma ordem – Sempre é bom seguir uma ordem: Dados pessoais, formação, idiomas, experiência profissional, objetivos, habilidades, entre outras coisas.

4. Dados pessoais – Não precisa colocar números de documentos, o nome completo, idade, estado civil e dados de contato atualizados como e-mail e telefone são o suficiente.

5. Deixe sua marca – Não deixe de expor seu diferencial, o currículo é seu primeiro contato com o recrutador e uma oportunidade para deixar sua marca, ou seja, escreva uma mensagem rápida e clara que pode dar o diferencial que seu currículo precisa para se destacar dos demais.

6 . Palavras-chave – Certas palavras também podem ajudar o currículo se destacar “branding” e “top of mind” são dois exemplos de palavras chaves, porém, é importante conhecer essas palavras para não usá-las fora do contexto.

7. Objetivo – Colocar o objetivo também é fundamental, faça isso em apenas uma linha informando o cargo e a área pretendida, evite colocar mais de uma área por currículo.

8 . Informática – Ter conhecimento em informática e no pacote office é muito importante nos dias atuais onde todas as empresas estão informatizadas, porém, é preciso ser sincero para não acabar sendo pego nos testes.

9 . Cursos – É recomendado colocar somente os cursos relacionados a vaga disputada, não se esquecendo de mencionar a instituição onde fez os cursos.

10. Experiência profissional – Coloque da mais recente a mais antiga, sendo indicado colocar no máximo cinco, descrevendo os nomes das empresas, os cargos que ocupou e o tempo em cada um deles. Listar as realizações e resultados alcançados também pode ajudar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *